logotipo
  Chamberlain
Joseph Chamberlain (1836-1914): Estadista inglês. Um dos ideólogos e porta-vozes da política colonial do imperialismo britânico. Ministro das Colónias em 1895-1903. Pai de Arthur Neville Chamberlain. logo
Joseph Austen Chamberlain (1863-1937), não confundir com Arthur Neville Chamberlain (1869-1940), o primeiro-ministro britânico (1937-40) que assinou o acordo de Munique com Hitler. J. A. Chamberlain foi eleito para o parlamento em 1892, entrando para o governo em 1902 como vice-ministro das Finanças. Ocupou várias pastas até ser nomeado ministro dos Negócios Estrangeiros (1924-29). Defensor da remilitarização da Alemanha, que desejava dirigir contra a URSS e utilizar como contrapeso à França, promoveu os Tratados de Locarno (1925), que permitiam a expansão germânica para Leste. Mais tarde provocou a ruptura das relações diplomáticas com a URSS (1927), restabelecidas em 1929 após a vitória dos trabalhistas. foto
Arthur Neville Chamberlain (1869-1940) Primeiro-ministro do Reino Unido de 1937 a 1940, período que antecedeu e marcou o início da Segunda Guerra Mundial na Europa. Filho de Joseph Chamberlain (1836-1914). Filiado ao Partido Conservador defendia uma política de convivência pacífica (chamada "política de apaziguamento") com Hitler. Participou da conferência de Munique onde atendeu a maioria das exigências nazistas, como a divisão de Checoslováquia e a anexação da Boêmia ao III Reich. Em 10 de maio de 1940, Chamberlain renunciou ao cargo de primeiro-ministro, sendo substituído por Winston Churchill. foto

  Fonte: Lenin - Obras Escolhidas em 3 Tomos