Discurso de Abertura da Conferência

V. I. Lénine

24 de Abril (7 de Maio) de 1917

Link Avante

Primeira edição: Publicou-se um breve resumo a 12 de Maio (25 de Abril) de 1917 no jornal Sotsial-Demokrat, n.° 43. Foi publicado integralmente pela primeira vez em 1921 nas Obras de N. Lenine (V. Uliánov), t. XIV. parte II.
Fonte: Obras Escolhidas em Três Tomos, 1977, tomo 2, pág: 51. Edições Avante! - Lisboa, Edições Progresso - Moscovo

Tradução: Edições "Avante!" com base nas Obras Completas de V. I. Lénine, 5.ª ed. em russo, t. 31, p. 341.

Transcrição e HTML: Fernando A. S. Araújo

Direitos de Reprodução: © Direitos de tradução em língua portuguesa reservados por Editorial "Avante!" - Edições Progresso Lisboa - Moscovo, 1977.


capa

Camaradas, a nossa conferencia realiza-se como a primeira conferencia do partido proletário nas condições não só da revolução russa mas também da revolução internacional em crescimento. Chega o tempo em que se confirma por toda a parte a afirmação dos fundadores do socialismo científico e a previsão unânime dos socialistas reunidos no Congresso de Basileia de que a guerra mundial conduz inevitavelmente â revolução.

No século XIX, Marx e Engels, observando o movimento proletário dos diversos países e analisando as possíveis perspectivas da revolução social, afirmaram mais de uma vez que os papéis destes países se distribuiriam em geral proporcionalmente, de acordo com as peculiaridades históricas nacionais de cada um deles. Esta sua ideia, formulada resumidamente, exprimiram-na assim: o operário francês começará, o alemão acabara.

Coube ao proletariado russo a grande honra de começar, mas ele não deve esquecer que o seu movimento e a sua revolução são apenas uma parte do movimento proletário revolucionário mundial, que na Alemanha, por exemplo, cresce de dia para dia cada vez com mais força. Só deste ângulo podemos determinar as nossas tarefas.

Declaro aberta a Conferência de toda a Rússia e peço que se proceda à eleição do praesidium.

Compartilhe este texto:
Início da página
 
Visite o MIA no Facebook
 

Inclusão 22/02/2011