Esboço do Plano de Trabalhos Científico-Técnico[N301]

V. I. Lénine

25 de Abril de 1918

Link Avante

Escrito: entre 18 e 25 de Abril de 1918.
Primeira Edição: em 4 de Março de 1924 no n° 52 do Pravda.

Fonte: Obras Escolhidas em Três Tomos, 1978, t2, p 588, Edições Avante! - Lisboa, Edições Progresso - Moscovo.
Tradução: Edições "Avante!" com base nas Obras Completas de V. I. Lénine, 5.ª ed. em russo, t. 36, pp. 228-231.
Transcrição: Partido Comunista Português
Enviado: Diego Grossi Pacheco
HTML: Fernando A. S. Araújo, março 2009.
Direitos de Reprodução: © Direitos de tradução em língua portuguesa reservados por Edições "Avante!" - Edições Progresso Lisboa - Moscovo, 1977.


capa

A Academia das Ciências, que começou o estudo e a investigação sistemáticos das forças produtivas naturais(1*) da Rússia, deve ser encarregada imediatamente pelo Conselho Superior da Economia Nacional de formar uma série de comissões de especialistas para elaborar com a maior rapidez possível um plano de reorganização da indústria e de ascenso económico da Rússia.

Este plano deve incluir:

Compartilhe este texto:
Início da página
 
Visite o MIA no Facebook
 

Nota de rodapé:

(1*) NB: É preciso acelerar com todas as forças a edição destes materiais, enviar um papelinho sobre isto tanto ao Comissariado da Educação Popular, como ao sindicato de operário: tipográficos e ao Comissariado do Trabalho.[N302] (retornar ao texto)

Nota de fim de tomo:

[N301] O Esboço do Plano de Trabalho Científico-Técnico representa uma importante fase que consistia em atrair quadros científicos da Rússia ao estudo e à solução dos problemas da economia nacional. As conversações com a Academia das Ciências foram iniciadas em Janeiro de 1918 por iniciativa de Lénine e do governo soviético. Lénine dirigia a actividade do Comissariado do Povo da Educação, que realizava directamente estas conversações. A Academia das Ciências, na sua mensagem dirigida no fim de Março ao governo soviético, aceitou a proposta de este trabalhar no domínio da investigação dos recursos naturais do país. Em relação com isto, o Conselho de Comissários do Povo, na sua reunião de 12 de Abril presidida por Lénine, aprovou uma resolução que colocava à Academia das Ciências "a tarefa inadiável de solucionar de modo sistemático os problemas relacionados com uma correcta distribuição geográfica da indústria no país e a utilização mais racional das suas formas económicas", e reconhecia a necessidade de financiar os correspondentes trabalhos da Academia. (retornar ao texto)

[N302] Lénine tem em vista os materiais da Comissão para o Estudo das Forças Produtivas Naturais da Rússia, criada pela Academia das Ciências em 1915. Por indicação de Lénine a actividade editorial da Comissão foi significativamente alargada: começaram a ser publicados os livros da colecção "As Riquezas da Rússia" e a colectânea Forças Produtivas Naturais da Rússia. Nos três primeiros anos do poder soviético (1918-1920) a Comissão publicou quatro vezes mais trabalho do que nos três anteriores à revolução. (retornar ao texto)

banner
Inclusão 30/05/2009