O Caldeirão das Bruxas e Outros Escritos Políticos

Hermínio Sacchetta


Projeto de Programa do MCI(1)


capa

A felicidade para o homem, entendida como o florescimento harmonioso de suas capacidades e seu desenvolvimento progressivo, consiste no uso e no gozo de suas prerrogativas concretas de humanidade. Tais prerrogativas significam, essencialmente, que, se a maior riqueza para um homem é um outro homem, o maior valor humano é o próprio homem. O Capitalismo, transformando o trabalhador em simples objeto de produção, alienou esse valor de todos os produtores diretos e, indiretamente, da sociedade em seu conjunto. A emancipação social e política da classe operária, destruindo pela Revolução Proletária esse sistema de alienação coletiva, que se corporifica na exploração de classes, representará a emancipação efetiva de toda a sociedade.

A Revolução Proletária, missão histórica que incumbe aos trabalhadores para impedir a submersão da Humanidade em uma nova barbárie e, ao mesmo tempo, elevar em níveis inimagináveis o bem-estar material e espiritual do homem, não visa à propriedade privada generalizada nem apenas ao aumento da produção ou ao comunismo “econômico” vulgar, mas sim ao comunismo entendido como libertação de todos os trabalhadores, isto é, dos produtores diretos, da alienação coletiva da sociedade dividida em classes. Esta transformação radical da estrutura social eliminará os antagonismos vigentes entre o ser humano e a natureza, entre a atividade material e a intelectual, entre os homens e suas obras.

O Marxismo, como teoria revolucionária da classe operária, representa, em nosso tempo, a expressão consciente da luta milenar do homem — sobretudo enquanto proletário — para se conhecer a si mesmo, vencer suas alienações e desenvolver ao máximo suas possibilidades. Nesse sentido, ele se distingue por ser a mais radical e consistente forma de humanismo. E se considera herdeiro de todo o conhecimento progressivamente acumulado pela humanidade, definindo conhecimento como a atividade histórica do homem que produz seu crescente poder sobre as coisas e o seu aperfeiçoamento intelectual e moral.

Compartilhe este texto:
Início da página
 
Visite o MIA no Facebook
 

Notas de rodapé:

(1) Movimento Comunista Intemacionalista. (retornar ao texto)

Inclusão 21/04/2014