MIA - Secção em Português
Emile Pouget
foto
1860-1931

 

Anarquista francês, próximo ao anarcossindicalismo. Em 1879, participou na fundação em Paris do sindicato de operários têxtis. Ali conseguiu publicar seu primeiro panfleto antimilitarista. Em 1881 uniu-se a um grupo de anarquistas franceses no Congresso Internacional de Londres, que seguiu à dissolução da Primeira Internacional.

Depois do assassinato em 1894 do presidente Sadi Carnot e a conseguinte repressão do movimento anarquista, marchou para Inglaterra a fim de evadir-se do Julgamento dos trinta. Voltou a França em 1895 devido à amnistia outorgada pelo presidente Félix Faure. Em 1896, Pouget preconizava a ideia da sabotagem como meio de luta contra os capitalistas, ponto de vista expressado através de numerosos panfletos e artigos jornalísticos. Entre 1901 e 1908 foi eleito vice secretário da Confédération générale du travail (CGT), representando a tendência anarco-sindicalista do sindicato. Pouget também participou na Carta de Amiens de 1906, que estabeleceu as bases do sindicalismo francês. Ao ano seguinte dirigiu o jornal A Voix du Peuple, que era editado pela CGT desde o 1 de dezembro de 1900. Em 1909 distanciou-se do movimento sindicalista.

 

Atualmente estão disponíveis em Português as seguintes obras:

1897 A sabotagem - texto em Português da Galiza
1904 A Ação Direta
   
Seja um Voluntário! Se você deseja colaborar com a construção desta biblioteca, ou deseja iniciar uma nova biblioteca para um autor cujo trabalho contribui de alguma maneira para a compreensão do Marxismo, entre em contato conosco.

Abriu o arquivo: 10/11/2020
Última alteração: 10/01/2022