Arquivo Marxista na Internet Página inicial (Home) Vá para a página inicial
 
06/Jul Lênin: Concessões e Estímulo do Capitalismo. "O que são concessões? São um acordo entre o Estado e capitalistas que se disponham a montar ou melhorar uma indústria (por exemplo, extração e transporte fluvial de madeira, extração de carvão, petróleo, minério etc.), pagando ao Estado, por isso, com uma parcela do produto extraído, e a outra parcela recebendo em forma de lucro.". Com aúdio legendado. Colaboração Erick Fishuk e Fernando Araújo
05/Jul Karl Korsch: O Conceito de Forças Produtivas Materiais. "O conceito fundamental da nova teoria revolucionária do desenvolvimento construída por Marx é o conceito de «forças produtivas». Também ele está para Marx determinado socialmente." Colaboração Fernando Araújo.
04/Jul Imprensa Proletária: A Industrialização Socialista, capítulo XXI do Manual de Economia Política do Instituto de Economia da Academia de Ciências da URSS. Colaboração Fernando Araújo.
03/Jul Victor Meyer: Estados capitalistas reduzem seus mecanismos de defesa pdf "Com a dissolução da União Soviética e o subsequente fortalecimento da ideologia neoliberal, aprofundam-se as tendências em foco e, nesse contexto, a ideologia oficial do Estado passa a reconhecer uma racionalidade nas desigualdades sociais existentes no mundo. O Estado coloca-se em marcha tendencial rumo a uma representação plutocrática.". Colaboração Centro de Estudos Victor Meyer, Pery Falcón e Fernando Araújo.
02/Jul Lênin: Cooperativas de Consumo e de Produção. Com aúdio legendado. Colaboração Erick Fishuk e Fernando Araújo
30/Jun Imprensa Proletária: Bolonha: o Coração Vermelho da Itália, do terceiro do livro: A Alternativa Italiana do PCI. Colaboração: João Filipe Freitas e Fernando Araújo.
29/Jun Imprensa Proletária: Traços Fundamentais do Período de Transição do Capitalismo ao Socialismo, capítulo XX do Manual de Economia Política do Instituto de Economia da Academia de Ciências da URSS. Colaboração Fernando Araújo.
28/Jun Abriu o arquivo: Giulio Carlo Argan, com os textos: Porque me Fizeram Presidente da Câmara de Roma e Discurso de Posse. Extraídos do livro: "A Alternativa Italiana do PCI". Colaboração: João Filipe Freitas e Fernando Araújo.
27/Jun Lênin: Sobre o Imposto em Espécie. Com aúdio legendado. "Que todos os quadros do Partido e dos sovietes entendam direito e cumpram com zelo seu dever de estimular e desenvolver de todas as formas a pequena indústria favorável à economia camponesa.". Colaboração Erick Fishuk e Fernando Araújo
26/Jun Imprensa Proletária: O Aprofundamento da Crise Geral do Capitalismo após a Segunda Guerra Mundial, capítulo XIX do Manual de Economia Política do Instituto de Economia da Academia de Ciências da URSS. Colaboração Fernando Araújo.
25/Jun Lênin: Sobre a Disciplina Laboral. Com aúdio legendado. "Vencemos os latifundiários e capitalistas porque o Exército Vermelho, os operários e os camponeses sabiam que estavam lutando por uma causa vital para si.". Colaboração Erick Fishuk e Fernando Araújo
24/Jun Abriu o arquivo: Ernesto Ragionieri, com o texto: O PCI e a Cultura. Extraído do livro: "A Alternativa Italiana do PCI". "Creio que não foi apenas a experiência real das coisas mas também a redescoberta do modo como Marx viu e perspectivou o desenvolvimento da história humana que nos armou suficientemente contra os perigos do optimismo evolucionista de que a social-democracia não soube vacinar-se e que por ele se encaminhou para a grande derrota que foi mortal para o movimento operário europeu.". Colaboração: João Filipe Freitas e Fernando Araújo.
23/Jun Victor Meyer: Internacionalização dos bancos brasileiros: motivações produtivas ou parasitárias? pdf "Discute-se qual a motivação predominante no atual movimento de internacionalização dos bancos brasileiros: se produtiva ou rentista; pergunta-se se a referida expansão financeira tende a consolidar uma vinculação ou uma desvinculação com a base produtiva da sociedade. Argumenta-se que a literatura especializada, no Brasil, não responde satisfatoriamente ao problema. Esboçam-se caminhos para o aprofundamento do debate.". Colaboração Centro de Estudos Victor Meyer, Pery Falcón e Fernando Araújo.
22/Jun Leandro Konder: Gramsci e a Crítica da Modernidade "para passar da rebeldia à revolução, da contestação à construção de alternativas, a perspectiva com que os socialistas enfrentam os combates que travam pelo fortalecimento da “sociedade civil” necessita de instrumentos teóricos e de uma competência argumentativa que só poderão ser desenvolvidos no campo de batalha da cultura.". Colaboração Alexandre Linares e Fernando Araújo.
21/Jun Lênin: Sobre a Restauração dos Transportes. Com aúdio legendado. "Destroçamos as tropas dos latifundiários e capitalistas que desejavam, com a ajuda dos capitalistas de todo o mundo, restaurar sua onipotência na Rússia. Mas a guerra imperialista e, a seguir, a guerra à contrarrevolução arrasaram e exauriram terrivelmente o país inteiro.". Colaboração Erick Fishuk e Fernando Araújo
20/Jun Frunze: Frente e Retaguarda nas Guerras Futuras. "A conclusão mais importante e básica derivada da experiência da passada Guerra imperialista de 1914-1918 é a reavaliação da questão do papel e significância da retaguarda no curso geral das operações militares. A posição de que o “resultado da Guerra será decidido não só directamente na frente de batalha, mas também naquelas linhas onde está a força civil de um país”, tornou-se agora um axioma comum.". Colaboração: João Filipe Freitas e Fernando Araújo.
19/Jun Abriu a seção: Marxismo, Gênero e Sexualidade, com o texto: Libertação Gay: Uma Perspectiva Socialista, escrito por Kipp Dawson. "As ideias e superstições reacionárias – tabus sexuais, religião, patriotismo ufanista – são estimuladas pelos governantes para promover a fé nas instituições corruptas da sociedade capitalista. Portanto, é estranho ao capitalismo se ver obrigado a lidar com um grande número de pessoas, inclusive praticamente toda uma geração, que rejeita suas regras; que busca construir mundo novo, onde os seres humanos sejam livres para viver plenamente e sob seu próprio arbítrio; que rejeita a autodepreciação e a submissão e luta por seus direitos. Mas isso é apenas um ponto inicial do que vem acontecendo. O movimento de libertação gay se une à força e ao entusiasmo da atual radicalização da juventude por todo o mundo.". Colaboração: Leonardo Gomes e Fernando Araújo.
18/Jun Lênin: Sobre os Pogroms Contra os Judeus. Com aúdio legendado. "Os inimigos dos trabalhadores não são os judeus, e sim os capitalistas de todos os países. Entre os judeus, os operários esforçados são maioria ‒ e eles são nossos irmãos também oprimidos pelo capital, nossos camaradas na luta pelo socialismo ‒, mas há também kulaks, exploradores e capitalistas, tal como entre os russos e entre todas as nações.". Colaboração Erick Fishuk e Fernando Araújo
17/Jun Abriu o arquivo: Giorgio Amendola, com o texto: A Natureza Laica do PCI. "O primeiro ponto a sublinhar é a natureza secular do partido, que é um instrumento político para a realização de certos objectivos de transformação democrática e socialista. Uma concepção secular do Estado e do partido político reconhece a liberdade de consciência de cada cidadão, e por isso também do militante comprometido numa actividade consciente e disciplinada do partido. O integralismo, pelo contrário, confunde religião e política e tenta subordinar todos os aspectos da vida individual, mesmo os mais íntimos recônditos da consciência, ao controle exterior.". Colaboração: João Filipe Freitas e Fernando Araújo.
16/Jun Lênin: Como Livrar para Sempre os Trabalhadores do Jugo dos Latifundiários e Capitalistas. Com aúdio legendado. "A disciplina laboral, a energia impetuosa no trabalho, a disposição ao sacrifício próprio e a união estreita entre camponeses e operários é que livrarão para sempre os trabalhadores do jugo dos latifundiários e capitalistas.". Colaboração Erick Fishuk e Fernando Araújo
15/Jun Albert Einstein: Por que Socialismo? Substituida a tradução anterior por uma nova, traduzida diretamente do inglês. Fonte: Blog do Ralf e do Pluralismo Radical Colaboração: Ralf Rickli e Fernando Araújo.
Max Beer: O Pensamento Social da Idade Média, capítulo I - Segunda Parte: As Lutas Sociais na Idade Média, do livro: História do Socialismo e das Lutas Sociais. "O comunismo da Antiguidade assemelha-se ao comunismo moderno pelo fato de visar, como ele, objetivos de "natureza material”. O comunismo da Idade Média, pelo contrário, tem um caráter "mais religioso e moral que material”. Colaboração Fernando Araújo.
09/Jun Abriu o arquivo: Mikhail Frunze, com o texto: A Doutrina Militar Unificada e o Exército Vermelho. "Este artigo apresentado à atenção do leitor é uma tentativa de levantar a questão de uma "doutrina militar unificada" do ponto de vista dos interesses de Estado e de uma revolução operária e esboçar como um exemplo de um caminho que, parece-nos, a resolução do problema deve seguir.". Colaboração: João Filipe Freitas e Fernando Araújo.
08/Jun Lênin: O que é o Poder Soviético?. Com aúdio legendado. "O Poder Soviético é o caminho encontrado pelas massas trabalhadoras para chegar ao socialismo e, por isso, é um caminho justo e invencível.". Colaboração Erick Fishuk e Fernando Araújo
07/Jun Karl Korsch: A Guerra e a Revolução. "A relação entre a guerra e a revolução tornou-se um dos problemas centrais do nosso tempo. E, por outro lado, um dos mais desconcertantes duma época na qual temos visto anti-intervencionistas a reclamar insistentemente a intervenção, pacifistas a pedir a guerra e nacional-socialistas a paz, enquanto os apóstolos comunistas da classe revolucionária renunciam humildemente a todo o recurso à violência como instrumento da política nacional e internacional. " Colaboração Fernando Araújo.
06/Jun Lênin: Sobre os Camponeses Médios. Com aúdio legendado. "...o camponês médio é o camponês que não explora nem vive do trabalho de outros e não se aproveita de forma alguma, em nenhuma ocasião, dos frutos do esforço alheio, mas ganha a vida por seu próprio mérito.". Colaboração Erick Fishuk e Fernando Araújo
04/Jun Max Beer: O Cristianismo Primitivo, capítulo VII - Primeira Parte: As Lutas Sociais na Antiguidade, do livro: História do Socialismo e das Lutas Sociais. "Jesus continua a obra dos profetas. Toda a sua atividade se orienta num sentido claramente antinacional e antirreligioso. Sua doutrina é uma doutrina anarco-comunista, baseada na moral estoica, porém mais espiritualizada, mais rica de conteúdo e mais profunda, graças à influência de fatores inerentes ao desenvolvimento religioso dos judeus." Colaboração Fernando Araújo.
03/Jun Lênin: Apelo ao Exército Vermelho. Com aúdio legendado. "Camaradas do Exército Vermelho! Os capitalistas ingleses, americanos e franceses estão guerreando contra a Rússia, vingando-se dessa República Operária e Camponesa Soviética por ela ter derrubado os latifundiários e capitalistas do poder e ter dado, assim, o exemplo para todos os povos da Terra.". Colaboração Erick Fishuk e Fernando Araújo
02/Jun Abriu o arquivo: Giancarlo Pajetta, com o texto: Pelo Socialismo na Europa. Extraídos do livro: A Alternativa Italiana do PCI. Colaboração: João Filipe Freitas e Fernando Araújo.
Imprensa Proletária: Os Comunistas Italianos Perante a História, "Os documentos seleccionados nesta secção procuram dar ao leitor uma visão geral da actuação do PCI em diversos campos da actividade social."; terceiro capítulo do livro: A Alternativa Italiana do PCI. Colaboração: João Filipe Freitas e Fernando Araújo.
01/Jun Lênin: Comunicado sobre as conversações radiotelegráficas com Béla Kun. Com aúdio legendado. "O camarada Béla Kun já era bom conhecido meu em seus tempos de prisioneiro de guerra na Rússia e me visitava com frequência para conversarmos a respeito do comunismo e da revolução comunista.". Colaboração Erick Fishuk e Fernando Araújo
31/Mai Max Beer: A Crítica Social em Roma, capítulo VI - Primeira Parte: As Lutas Sociais na Antiguidade, do livro: História do Socialismo e das Lutas Sociais. "Na Grécia, nos períodos de violentos conflitos sociais e de insurreições populares, os poetas e filósofos voltaram o pensamento para o tempo do comunismo primitivo, quando os homens viviam uma vida simples, livre e harmoniosa. Nesses momentos, enaltecia-se a Idade de Ouro, isto é, condenava-se o regime da propriedade privada, da violência, da especulação, das guerras internas e externas." Colaboração Fernando Araújo.
30/Mai Lênin: A III Internacional, Comunista. Com aúdio legendado. "Os trabalhadores ainda fiéis à missão de derrubar o jugo do capital hoje se autodenominam comunistas.". Colaboração Erick Fishuk e Fernando Araújo
29/Mai Imprensa Proletária: O Programa do PCI para as Eleições de Junho de 1976, "Às interrogações e preocupações que hoje assaltam os Italianos, nós, comunistas, respondemos falando a linguagem da verdade. Ocorre olhar de frente para a realidade. A situação é extremamente crítica. É preciso um esforço sério para sair desta situação. Não é possível prometer tempos fáceis. Quem o fizer, para ganhar o favor dos eleitores, é um demagogo. Quem encobrir ou quiser proteger as posições dos grupos privilegiados e das categorias que gozam de vantagens especiais é um irresponsável. "; segundo capítulo do livro: A Alternativa Italiana do PCI. Colaboração: João Filipe Freitas e Fernando Araújo.
28/Mai Lênin: Em Memória do Camarada Yakov Mikhaylovich Sverdlov, Presidente do Comitê Executivo Central Pan-Russo. Com aúdio legendado. "Quem trabalhava dia a dia com o camarada Sverdlov sabe muito bem que seu excepcional talento como organizador nos garantia algo de que tínhamos o pleno direito de nos orgulharmos: a possibilidade de um trabalho harmonioso, racional e organizado, à altura das massas proletárias organizadas, sem o qual não teríamos obtido êxito e que respondia inteiramente às necessidades da revolução proletária.". Colaboração Erick Fishuk e Fernando Araújo
27/Mai Kolontai: O Trabalho Feminino no Desenvolvimento da Economia. "O slogan proposto pela república operária, “Não seja mãe apenas do seu filho, mas de todos os filhos dos operários e camponeses”, deve mostrar à mulher trabalhadora um novo ponto de vista acerca da maternidade.". Colaboração Leonardo Gomes e Fernando Araújo.
26/Mai Internacional Comunista: Tese Sobre a Questão Negra. "A Internacional Comunista está extremamente orgulhosa de ver os trabalhadores explorados negros resistindo aos ataques dos exploradores, uma vez que o inimigo da raça negra e o inimigo dos trabalhadores brancos é o mesmo — o capitalismo e o imperialismo. A luta internacional da raça negra é uma luta contra o inimigo comum.". Colaboração Diego Grossi e Fernando Araújo.
25/Mai Imprensa Proletária: A Crise Geral do Capitalismo, capítulo XVIII do Manual de Economia Política do Instituto de Economia da Academia de Ciências da URSS. Colaboração Fernando Araújo.
24/Mai Lênin: Apartidarismo e Poder Soviético. Com aúdio legendado. "Operários e camponeses! Deem-nos quadros apartidários e íntegros que governem o país e incrementem a economia, pois não bastando apenas os filiados ao Partido, eles são indispensáveis se forem leais ao Poder Soviético.". Colaboração Erick Fishuk e Fernando Araújo
23/Mai Eleanor Marx: Discurso no 1º de Maio (versão resumida). "Estou falando nesta tarde não somente como uma sindicalista, mas como uma socialista. Os socialistas creem que a jornada de oito horas é a primeiro e mais imediato passo a ser tomado, e nos visamos o momento no qual não haverá mais uma classe sustentando duas outras [classes], mas [o momento no qual] os desempregados, tanto os superiores e os inferiores da sociedade, haver-se-ão eliminados." . Colaboração Fellipe Cotrim e Fernando Araújo.
22/Mai Abriu o arquivo: Enrico Berlinguer, com os textos: Relatório ao Comité Central; Entrevista ao «Corriere Della Sera» e Conferência de Imprensa na TV. Extraídos do livro: A Alternativa Italiana do PCI. Colaboração: João Filipe Freitas e Fernando Araújo.
21/Mai Eleanor Marx: Karl Marx II [A teoria do valor de Marx]. "Esta grande descoberta de Ricardo, que existe somente um único padrão real do valor, o trabalho [labour], forma o ponto de partida [do livro] Das Kapital [d’O capital, 1867] de Marx. Não poderei entrar aqui em um relato detalhado do caminho pelo qual Marx completa, e corrige parcialmente, a teoria do valor de Ricardo, e a desenvolve, a partir dela própria, uma teoria daquele assunto temidamente contestado, o dinheiro [currency], que por sua clareza, simplicidade e força lógica, têm levado a convicção até mesmo as cabeças de muitos economistas políticos de medíocre valor [ordinary stamp]. Sustentada sob sua teoria do valor, devo limitar-me ao modo pelo qual Marx explica a origem e a continuada acumulação de capital nas mãos de uma classe, por conseguinte, privilegiada." . Colaboração Fellipe Cotrim e Fernando Araújo.
20/Mai Togliatti: Um Partido de Tipo Novo, Sobre o Estalinismo e O Testamento de Ialta. Colaboração: João Filipe Freitas e Fernando Araújo.
19/Mai Carlos Nelson Coutinho: Entrevista à Revista Cult. "Carlos Nelson Coutinho é reconhecido internacionalmente como um dos maiores especialistas no pensamento de Gramsci. Responsável pela coordenação e edição da obra do autor italiano no Brasil". Colaboração Fernando Araújo.
17/Mai Max Beer: Roma, capítulo V - Primeira Parte: As Lutas Sociais na Antiguidade, do livro: História do Socialismo e das Lutas Sociais. "Quando em Esparta se implantou um Estado comunista, em Atenas o poder estava nas mãos da nobreza. Por meio de empréstimos e da usura, os nobres pouco a pouco despojaram os camponeses de seus bens. Os sacerdotes e os juízes eram recrutados entre os nobres. Esta situação determinou um profundo descontentamento nas camadas inferiores da sociedade. Depois de afogar em sangue grande número de conspirações e revoltas, os nobres resolveram encarregar o jurista Dracon da elaboração de um Código de leis, que se tornou célebre pela sua crueldade. É a partir desta época que uma lei draconiana passou a significar uma lei severa, brutal, iníqua, destinada à opressão do povo." Colaboração Fernando Araújo.
16/Mai Abriu o arquivo: Rudolf Slánsky, com o texto: Atividades do Partido Comunista da Tchecoslováquia, Depois da Libertação do País. "A Tchecoslováquia foi o último país libertado do jugo fascista. A libertação de Praga pelo exército soviético foi completada no dia 9 de maio de 1945, dia da vitória sobre a Alemanha. Depois da expulsão do invasor alemão, a Tchecoslováquia iniciou uma série da reformas de estrutura, na vida política e econômica do país. Para caracterizar estas mudanças, o camarada Gottwald declarou que elas constituem uma revolução nacional e democrática.". Colaboração Fernando Araújo.
15/Mai Max Beer: Teorias Comunistas em Atenas, capítulo IV - Primeira Parte: As Lutas Sociais na Antiguidade, do livro: História do Socialismo e das Lutas Sociais. "Quando em Esparta se implantou um Estado comunista, em Atenas o poder estava nas mãos da nobreza. Por meio de empréstimos e da usura, os nobres pouco a pouco despojaram os camponeses de seus bens. Os sacerdotes e os juízes eram recrutados entre os nobres. Esta situação determinou um profundo descontentamento nas camadas inferiores da sociedade. Depois de afogar em sangue grande número de conspirações e revoltas, os nobres resolveram encarregar o jurista Dracon da elaboração de um Código de leis, que se tornou célebre pela sua crueldade. É a partir desta época que uma lei draconiana passou a significar uma lei severa, brutal, iníqua, destinada à opressão do povo." Colaboração Fernando Araújo.
14/Mai Abriu o arquivo: Mathias Rakosi, com o texto: O Tipo de Estado da Democracia Popular. "Democracias populares desenvolveram-se, reforçaram-se e estão empenhadas no caminho da edificação do socialismo, o que nos impõe a necessidade e nos dá ao mesmo tempo a possibilidade de determinar alguns problemas de importância fundamental, relativos ao Estado democrático popular. O tipo de Estado da democracia popular somente se desenvolveu depois da segunda guerra mundial.". Colaboração Fernando Araújo.
13/Mai Victor Meyer: Tensões interestatais: o declinio da “cooperação antagônica” . pdf "O filósofo alemão August Thalheimer escreveu, em 1946, um ensaio sobre as relações entre os Estados capitalistas centrais depois da Segunda Guerra. Thalheimer punha em relevo um novo fator que estaria subordinando, desde então, os conflitos interestatais: a consolidação do bloco socialista, em especial o fortalecimento militar da União Soviética.". Colaboração Centro de Estudos Victor Meyer, Pery Falcón e Fernando Araújo.
12/Mai Jacob Gorender: Entrevista ao Projeto Marcas da Memória. Colaboração Fernando Araújo
11/Mai Abriu o arquivo: Wilhelm Pieck, com o texto: Duas Revoluções, Dois Resultados. "Os ensinamentos do passado ajudam a lançar luz sobre o presente, a compreender a significação dos processos históricos e a nos orientar para o futuro. Os nossos mestres Marx e Engels ensinaram aos operários socialistas que os estudos históricos são necessários. Eles próprios, com os seus insuperáveis trabalhos sobre a guerra camponesa alemã, sobre a revolução de 1848 na França e na Alemanha, sobre a Comuna de Paris e com numerosos outros estudos, forjaram armas eficazes para a luta contra os mitos historiográficos reacionários da classe burguesa.". Colaboração Fernando Araújo.
10/Mai Leandro Konder: Entrevista à Revista Democracia Viva. "O filósofo Leandro Konder tem uma larga experiência partidária, que vai do PCB ao PT e, mais recentemente, ao Psol. Aos 70 anos, relata uma vida totalmente marcada por importantes momentos políticos no Brasil e no mundo. Filho de um médico comunista e uma dona de casa, formou-se primeiro em Direito e só depois, durante uma longa permanência na Alemanha, optou definitivamente pela Filosofia.". Colaboração Alexandre Linares e Fernando Araújo.
09/Mai Stálin: Pronunciamento à Nação no Dia Seguinte à Vitória Soviética sobre a Alemanha Fascista. Com aúdio legendado. "Camaradas! Compatriotas! O grande dia da vitória sobre a Alemanha chegou. A Alemanha Fascista, derrotada pelo Exército Vermelho e Forças Aliadas, reconheceram sua derrota e anunciaram sua rendição incondicional.". Colaboração Erick Fishuk e Fernando Araújo
08/Mai Abriu o arquivo: Preobrazhensky, com o texto: ABC do Comunismo. "Cada partido visa a determinados fins: o partido dos proprietários e dos capitalistas, do mesmo modo que o partido dos operários e dos camponeses. Sem finalidades, não há partido. Se este partido representa os interesses dos proprietários agrícolas, ele combaterá pelos seus fins: conservar a terra em suas mãos, sujeitar o camponês, vender o mais caro que puder o trigo de suas propriedades, procurar o mais barato possível a mão de obra agrícola, obter o mais elevado arrendamento.". Colaboração Fernando Araújo.
07/Mai Eleanor Marx: O Capital de Karl Marx. Carta enviada ao jornal Justice e ao jornal The Times sobre uma tradução de O Capital. Colaboração Fellipe Cotrim e Fernando Araújo.
06/Mai Konder: Intelectuais Brasileiros & Marxismo: Oswald de Andrade (1890-1954) "Oswald se servia da “teoria de Marx” para assustar a burguesia, dando continuidade a uma ação contestadora que se iniciara bem antes da sua “conversão” ao comunismo. ". Fonte:Revista Espaço Acadêmico. Colaboração Alexandre Linares e Fernando Araújo.
05/Mai Victor Meyer: Paris: Um Olhar Estrangeiro e Caleidoscópico (Os muros de Paris). pdf "Da Comuna de Paris, nem sombra. Não: há alguma coisa. Conversando com um urbanista francês, de formação social-democrata, explicou-me que a última grande reforma urbana de Paris, no último quartel do século XIX, visava facilitar a ação das tropas contra eventuais revoltas a la 1871. Então pensei: aí está, indiretamente, no traçado das ruas, tão visível, tão ostensivo, o registro indireto da Comuna. Se não podemos ver a própria Comuna, vemos a anti-Comuna, ainda que essa última mantenha em discreto silêncio sobre as suas origens.". Colaboração Centro de Estudos Victor Meyer, Pery Falcón e Fernando Araújo.
04/Mai Max Beer: O Comunismo em Esparta, capítulo III - Primeira Parte: As Lutas Sociais na Antiguidade, do livro: História do Socialismo e das Lutas Sociais. "Quase todos afirmam que Licurgo foi o primeiro legislador que a tradição apresenta como autor de uma revolução comunista." Colaboração Fernando Araújo.
03/Mai Ho Chi Minh: Testamento. "No que diz respeito aos assuntos pessoais, por toda a minha vida servi à minha Pátria, à revolução e ao povo com todas as minhas forças e com todo meu coração. Se agora devo deixar esse mundo, não tenho nada de que me lamentar, exceto de não ter sido capaz de servir mais e melhor.". Colaboração: Bernardo Soares Pereira e Fernando Araújo.
02/Mai Temática: Murais Portugueses. ""... o homem que cria a obra de arte e aquele que a aprecia são homens vivendo os problemas da sua sociedade, ligados a ela por todas as fibras do seu ser. E que a maneira de pintar, como a maneira de compor, de esculpir, de versejar, são apenas modos de falar da situação, dos problemas, das ansiedades, das esperanças dos homens de uma época. E que o «homem inteiro» está muito menos na caligrafia do que no que escreve, muito menos na maneira de pintar do que no que pinta. [...] A arte mais durável e compreendida do passado é a arte crítica dos estratos ascendentes que, num momento histórico, põe em confronto o presente e o futuro, o velho e o novo, e anuncia e fixa a aspiração a uma melhor vida.". Colaboração: João Filipe Freitas e Fernando Araújo.
01/Mai Temática: O Mundo dos Trabalhadores e seus Arquivos: Primeira Coletânea, Segunda Coletânea e Terceira Coletânea. "A presente coletânea reúne artigos de especialistas brasileiros e estrangeiros nos estudos sobre o mundo dos trabalhadores e seus arquivos e foi estruturada com base no Seminário Internacional “O Mundo dos Trabalhadores e seus Arquivos”. Fonte: Memórias Reveladas. Colaboração Fernando Araújo.
30/Abr Max Beer: A Grécia, capítulo II - Primeira Parte: As Lutas Sociais na Antiguidade, do livro: História do Socialismo e das Lutas Sociais. "Mas, enquanto em Atenas as multidões a principio se contentaram apenas com longas discussões abstratas e porfiadas polêmicas filosóficas, ao lado de insignificantes reformas, os espartanos foram mais práticos: em vez de discutir, agiram logo, realizando uma revolução comunista." Colaboração Fernando Araújo.
28/Abr Karl Korsch: A Comuna Revolucionária (I) e A Comuna Revolucionária (II). "Que deve saber um operário consciente sobre a "Comuna Revolucionária", na época actual que colocou na ordem do dia a emancipação da classe operária do jugo capitalista pela própria classe operária? E que sabe desse assunto mesmo a fracção do proletariado politicamente esclarecida e portanto de algum modo consciente?" Colaboração Fernando Araújo.
27/Abr Konder: Intelectuais Brasileiros & Marxismo: Mário de Andrade (1893-1945) "Acho que vale a pena recordar, em especial, alguma coisa da relação – ainda pouco explorada pelos críticos – entre o “pluralismo” visceral de Mário (“sou trezentos”) e seu interesse (desconfiado porém simpático) pelo comunismo.". Fonte:Revista Espaço Acadêmico. Colaboração Alexandre Linares e Fernando Araújo.
26/Abr Florestan Fernandes: Sobre o Trabalho Teórico. Fonte: Trans/Form/Ação. "O depoimento que se segue, além de sua excepcional e provocante riqueza em termos de reflexão teórica e crítica, revela-nos igualmente uma figura da rara grandeza humana. O mínimo que podemos dizer, nós, que também procuramos "vincular a investigação científica e filosófica à transformação da sociedade", é que de Florestan Fernandes somos todos aprendizes.". Colaboração Fernando Araújo
25/Abr Fernando Luso Soares: Vasco Gonçalves: Perfil de um Homem. "Não se trata de um livro de proféticas esperanças, tecidas em redor de quem quer que seja. Nem constitui, evidentemente, um panegírico. Não é também um muro de lamentações incuráveis. Muito menos ainda um de profundis clamado por conta alheia. Este é o perfil (vivo) de um revolucionário. Procurei traçá-lo através daquilo que Vasco Gonçalves disse-fazendo.". Colaboração: João Filipe Freitas e Fernando Araújo.
24/Abr Dimitrov: O Que Será a Nova República Búlgara. Publicado em Problemas Revista Mensal de Cultura Política nº 3. Colaboração Fernando Araújo
23/Abr Jacob Gorender: Entrevista à Margem Esquerda. Fonte: Marxismo21. Colaboração Fernando Araújo
22/Abr Imprensa Proletária: O Lugar Histórico do Imperialismo, capítulo XVII do Manual de Economia Política do Instituto de Economia da Academia de Ciências da URSS. Colaboração Fernando Araújo.
Konder: Nas Fronteiras do Poder (resenha) "De onde vem a força dessa tendência à concentração da propriedade da terra entre nós? Como foi que o latifúndio conseguiu fazer prevalecerem seus interesses vitais?". Fonte: Gramsci e o Brasil. Colaboração Alexandre Linares e Fernando Araújo.
21/Abr Mao Tsetung: A Produção Também é Possível nas Regiões de Guerrilhas. "A guerra não é apenas uma competição no plano militar e político, é também uma competição no plano econômico.". Colaboração Fernando Araújo.
20/Abr Dimitrov: Intervenção por altura da 10ª Sessão do 2º Congresso do Profintern. Fonte: Dimitrov e a Luta Sindical. Colaboração: João Filipe Freitas e Fernando Araújo.
19/Abr P. Yudin: Reviravolta na Frente Filosófica Soviética. Publicado em Problemas Revista Mensal de Cultura Política nº 4. "Para a história da filosofia marxista, parece-nos, é extremamente importante a compreensão desse fato, de que com o desenvolvimento histórico da filosofia não somente mudam os pontos de vista sobre este ou aquele problema ou postulados da filosofia, como também constantemente muda o objetivo mesmo da filosofia. Tal orientação na história da filosofia é científica e corresponde completamente à natureza dialética do conhecimento.". Colaboração Fernando Araújo.
18/Abr Bakunin: Associação Operária e Prosperidade Coletiva e Discurso no Congresso da Associação Internacional dos Trabalhadores. Fonte: http://www.crisluc.arq.br/. Colaboração Fernando Araújo.
17/Abr Victor Meyer: Um Semestre de Muitas Decisões. pdf "O movimento dos trabalhadores enfrenta as dificuldades geralmente associadas aos períodos de crise econômica, com ameaças de demissões e listas negras funcionando como instrumentos de coação. ". Colaboração Centro de Estudos Victor Meyer, Pery Falcón e Fernando Araújo.
16/Abr Max Beer: A Palestina, capítulo I do livro: História do Socialismo e das Lutas Sociais. "Milhares de judeus, pertencentes à mais alta nobreza da Palestina, tentaram também implantar o comunismo na prática. Foram os essênios (os justos), que aparecem a partir do século II, A. C., formando uma seita especial. São citados por todos os escritores da época, que a eles se referem com respeito e consideração.." Colaboração Fernando Araújo.
15/Abr Dimitrov: Dois Apelos Lançados às Massas de Todo o Mundo. Fonte: Dimitrov e a Luta Sindical. Colaboração: João Filipe Freitas e Fernando Araújo.
14/Abr

Abriu o arquivo: Max Beer, com o Prefácio, Nota Preliminar Sobre o Materialismo Histórico e a Introdução da obra: História do Socialismo e das Lutas Sociais. "O livro de Max Beer vem, por esse lado, preencher uma lacuna evidente. Nele, Beer estuda toda a História do socialismo, desde a mais remota Antiguidade até os Tempos Hodiernos. Numa linguagem viva, ágil, animada de um movimento rápido, que arrasta o leitor sem que este o perceba, que o mantêm empolgado pelas descrições.". Colaboração Fernando Araújo.

13/Abr Gorender: Modo de Produção e História. "A Economia Política clássica elaborou categorias com a pretensão da universalidade e da intemporabilidade. Sua sucessora moderna, assentada sobre o terreno do positivismo, deixou de ser política e se converteu na Economics dos anglo-americanos. Preocupa-se apenas com as variações ocorrentes na alocação quantitativa dos fatores de produção, na distribuição da renda e no mercado, conservando o pressuposto da imutabilidade do mundo econômico.". Fonte: Marxismo21. Colaboração Fernando Araújo
12/Abr Gaidukov: A Cognoscibilidade do Mundo e de Suas Leis. Capítulo 8º da obra: Materialismo Dialético editada pelo Instituto de Filosofia da Academia de Ciências da URSS. "Como já vimos, o problema da relação entre o pensamento e o ser, que é o problema fundamental da filosofia, pode ser resolvido de maneira materialista ou idealista, conforme se tome como primário, determinante, a matéria ou o espírito.". Colaboração Fernando Araújo.
11/Abr Lênin: Sobre o Estado Conferência na Universidade Sverdlov. "o problema do Estado é um dos mais complicados e difíceis, com certeza aquele em que mais confusão semearam os eruditos, escritores e filósofos burgueses." Colaboração: Alexandre Linares e Fernando Araújo.
Mao Tsetung: Sobre a Produção pelo Próprio Exército dos Bens de que Necessita e a Propósito da Importância dos Dois Grandes Movimentos - Retificação, Desenvolvimento da Produção. Editorial redigido pelo camarada Mao Tsetung para o Quiefanjepao, de Ien-an. Colaboração Fernando Araújo.
10/Abr Konder: A Questão da Ideologia em Gramsci "O italiano Antonio Gramsci desenvolveu uma interpretação bastante original da filosofia de Marx. Para ele, a perspectiva do pensador alemão era a de um "historicismo absoluto". No essencial, o pensamento de Marx nos desafia - sempre! - a pensar historicamente. E esse desafio nos põe diante tanto de possibilidades magníficas como de dificuldades colossais.". Fonte: Gramsci e o Brasil. Colaboração Alexandre Linares e Fernando Araújo.
09/Abr Mao Tsetung: Uma Política da Mais Alta Importância. Editorial redigido pelo camarada Mao Tsetung para o Quiefanjepao, de Ien-an. Colaboração Fernando Araújo.
08/Abr P. T. Belov: O Caráter Primário da Matéria e Secundário da Consciência. Capítulo 7º da obra: Materialismo Dialético editada pelo Instituto de Filosofia da Academia de Ciências da URSS. "Toda a história da filosofia, a começar pelas escolas da China e da Grécia antigas, é a história de uma intensa luta entre o materialismo e o idealismo, entre a corrente de Demócrito e a de Platão. Na solução do problema fundamental da filosofia, o materialismo filosófico marxista apoia-se nas grandes tradições do materialismo do passado e continua essas tradições.". Colaboração Fernando Araújo.
07/Abr Editorial de “Czechoslovak Democracy”: Educação Política no Partido Comunista da Checoslováquia. Publicado em Problemas Revista Mensal de Cultura Política nº 3. "O Partido precisa, não só de muitos membros, mas de membros ativos que superem as tarefas que se lhes deparem. É, no entanto, necessário fazer de todos os membros verdadeiros comunistas. Esta, a tarefa educacional mais importante e, ao mesmo tempo, a mais difícil, desde que no presente período da revolução nacional as grandes massas do povo se vêm aproximando do Partido com muito mais rapidez do que antes, e que muitos dos que se filiaram ao Partido poderiam, por diversas circunstâncias, ter-se mantido afastados.". Colaboração Fernando Araújo.
06/Abr Ho Chi Minh: Trinta Anos de Luta do Partido. "Pela primeira vez na história, um pequeno país colonizado triunfava sobre uma grande potência colonialista. Esta gloriosa vitória não era apenas a vitória do nosso povo, mas também a das forças da paz, da democracia e do socialismo do mundo inteiro.". Colaboração Igor N. Dias e Fernando Araújo
05/Abr Dimitrov: Carta Aberta aos Operários e Camponeses Búlgaros. Fonte: Dimitrov e a Luta Sindical. Colaboração: João Filipe Freitas e Fernando Araújo.
04/Abr Eder Sader: O Chile Entre a Legalidade e a Revolução. "No Chile um governo de esquerda, vitorioso nas eleições, se propôs construir as bases para o socialismo respeitando as regras da legalidade burguesa. A situação esdrúxula desconcerta a esquerda, pois não se trata de mais uma das tantas tentativas reformistas burguesas, mas sim de um governo sustentado pelas organizações sindicais e políticas do proletariado. É claro que a incorrigível esquerda reformista já faz ressurgirem todas as ilusões no "caminho pacífico para o socialismo". Colaboração Centro de Estudos Victor Meyer, Pery Falcón e Fernando Araújo.
03/Abr Mao Tsetung: Aprender a Fazer o Trabalho Econômico. "Pode portanto ver-se que, nas circunstâncias da guerra de guerrilhas nas regiões rurais, as unidades do exército e outras organizações que se lançam na produção para satisfazer as suas necessidades dão provas duma energia e dinamismo maiores, tanto nos combates como no treino e no trabalho, e elevam a sua disciplina e unidade tanto internamente como em relação à população civil.". Colaboração Fernando Araújo.
02/Abr Leonov: O Materialismo Dialético e Histórico, Fundamento Teórico do Comunismo. Capítulo 9º da obra: Materialismo Dialético editada pelo Instituto de Filosofia da Academia de Ciências da URSS. "Partindo da concepção dialética e materialista do mundo, Marx e Engels descobriram as leis objetivas do capitalismo, que levam inevitavelmente à substituição do regime capitalista pelo comunista. Graças à interpretação materialista da História foi cientificamente demonstrado o caráter objetivamente inevitável do comunismo como fase superior do desenvolvimento social.". Colaboração Fernando Araújo.
01/Abr Marighella: Nossa Política. Editorial de Problemas Revista Mensal de Cultura Política nº 3. "Os comunistas devem estar em condições de organizar e dirigir os grandes movimentos de massas, ganhar as ruas, levantar bem alto a bandeira da democracia, que é incompatível com a supressão das liberdades públicas e da liberdade do Partido Comunista.". Colaboração Fernando Araújo.
31/Mar Partido Comunista Brasileiro (PCB): Jornal Novos Rumos - Edições de 1959 a 1964. Fonte: Hemeroteca Digital Brasileira. Colaboração Fernando Araújo.
30/Mar Partido Comunista Brasileiro (PCB): Resolução de Organização - Dez 1975. Fonte: Problemas Políticos do Movimento Comunista e Operário Internacional n.º 9; Editorial Avante!. Colaboração Fernando Araújo.
Imprensa Proletária: O Sistema Colonial do Imperialismo, capítulo XVI do Manual de Economia Política do Instituto de Economia da Academia de Ciências da URSS. Colaboração Fernando Araújo.
29Mar Isaac Akcelrud: Entrevista a "Teoria e Debate". A história recente do país tem na figura do jornalista gaúcho um ativo militante de esquerda e um lúcido analista da cena política. Nesta entrevista, ele fala de seu tempo no PCB, de seus companheiros comunistas e de profissão e se diz perplexo com a nova conjuntura mundial. Fonte: Fundação Perseu Abramo. Colaboração Fernando Araújo.
Imprensa Proletária: Os Traços Fundamentais do Imperialismo, capítulo XV do Manual de Economia Política do Instituto de Economia da Academia de Ciências da URSS. Colaboração Fernando Araújo.
28/Mar Mao Tsetung: Contra o Estilo de Cliché do Partido. "Eu gostaria agora de falar de como o subjetivismo e o sectarismo se servem do estilo de cliché do Partido como instrumento de propaganda ou modo de expressão. Se, ao combatermos o subjetivismo e o sectarismo, não liquidamos também o estilo de cliché do Partido, estes encontrarão ainda refúgio e poderão portanto esconder-se.". Colaboração Fernando Araújo.
Imprensa Proletária: As Crises Econômicas, capítulo XIV do Manual de Economia Política do Instituto de Economia da Academia de Ciências da URSS. Colaboração Fernando Araújo.
27/mAR Rui Facó: Notas Sobre o Problema Agrário. "A revolução agrária no Brasil de nossos dias é um imperativo. Forças sociais diversas tendem a unir-se para a derrocada final e radical da de há muito ultrapassada estrutura agrária que herdamos do Império e que a República feudal-burguesa timbrou em conservas.". Fonte: Revista Estudos Sociais. Colaboração Alexandre Linares e Fernando Araújo.
Kant: A Paz Perpétua. Um Projecto Filosófico. Fonte: LusoSofia. Colaboração Fernando Araújo.
26/Mar Ovtchinnikov: A Materialidade do Mundo e as Leis de Seu Desenvolvimento. Capítulo 6º da obra: Materialismo Dialético editada pelo Instituto de Filosofia da Academia de Ciências da URSS. "O materialismo filosófico marxista interpreta de maneira científica e materialista os fenômenos da natureza e da sociedade. O materialismo filosófico marxista é, por sua base, diretamente oposto a todas as variedades do idealismo filosófico.". Colaboração Fernando Araújo.
Imprensa Proletária: A Reprodução do Capital Social e a Renda Nacional, capítulo XIII do Manual de Economia Política do Instituto de Economia da Academia de Ciências da URSS. Colaboração Fernando Araújo.
24/Mar Imprensa Proletária: Renda da Terra. Desenvolvimento do Capitalismo na Agricultura, capítulo XII do Manual de Economia Política do Instituto de Economia da Academia de Ciências da URSS. Colaboração Fernando Araújo.
Lênin: Prólogo ao Folheto do Voinov (A. V. Lunatchárski) Sobre a Atitude do Partido Diante dos Sindicatos. Capítulo do Livro: Sobre os Sindicatos.
23/Mar Prestes: Os Comunistas e a Sucessão Presidencial. "As campanhas pela sucessão presidencial despertam para a vida política amplas camadas da população, aceleram o processo de seu esclarecimento e impulsionam o avanço do movimento nacionalista e do movimento operário e democrático.". Fonte: Por Que os Comunistas Apoiam Lott e Jango, Editorial Vitória. Colaboração Fernando Araújo.
22/Mar Imprensa Proletária: O Capital de Empréstimo e os Juros de Empréstimo. A Circulação Monetária, capítulo XI do Manual de Economia Política do Instituto de Economia da Academia de Ciências da URSS. Colaboração Fernando Araújo.
Hoxha: A Autogestão Iugoslava – Teoria e Prática Capitalistas. "O socialismo de "autogestão" na economia tem como fundamento a idéia de que supostamente o socialismo não pode ser construído através da concentração dos meios de produção em mãos do Estado socialista, mediante a criação da propriedade estatal como forma superior de propriedade socialista, mas sim através do desmembramento da propriedade estatal socialista em propriedade de grupos particulares de operários, que hipoteticamente a administram diretamente.". Fonte: Fundação Maurício Grabois. Colaboração Fernando Araújo.
21/Mar Trotsky: texto1: Ordem do Dia nº 56; texto 2: Tese Sobre a Transição para um Sistema de Milícias. Colaboração João Paulo Pereira dos Santos Neto e Fernando Araújo.
20/Mar Gorender: Graciliano Ramos: Lembranças Tangenciais. "Sou, aqui, o único a ter tido conhecimento pessoal de Graciliano, o que derivou da circunstância de termos sido militantes, ambos, do mesmo partido político, o PCB - Partido Comunista do Brasil (a partir de 1961, denominado Partido Comunista Brasileiro). Ao que se acresce o fato de também ter passado pela experiência da cadeia, o que me permite fazer a leitura de Memórias do cárcere — objeto especial do nosso painel — apoiado em referências vivenciais.". Colaboração Alexandre Linares e Fernando Araújo.
19/Mar Carlos Nelson Coutinho: A Filosofia da Práxis no Brasil. "Creio que Lukács e Gramsci são os autores que melhor desenvolvem as indicações metodológicas de Marx, adequando-as ao século XX e garantindo sua perdurabilidade no século XXI.". Colaboração Fernando Araújo.
18/Mar Abriu o arquivo: Eugenio Reale, com o texto: As Democracias Populares da Europa Oriental. "No conflito entre o regime capitalista e o regime socialista do mundo contemporâneo pode, até certo ponto, apresentar-se uma terceira forma, que não tenha o caráter peculiar nem de um nem de outro, mas represente historicamente uma expressão própria, uma solução particular, um fato bem diferenciado e individualizado?". Colaboração Fernando Araújo.
17/Mar Paul M. Sweezy: Mais (ou menos) Globalização. "A globalização não é uma condição ou fenômeno: é um processo que vem ocorrendo há um longo período; a rigor, desde que o capitalismo veio ao mundo — quatro ou cinco séculos atrás — como uma forma viável de sociedade." Fonte: Revista Crítica Marxista. Colaboração Fernando Araújo.
16/Mar Ivo Tonet: A Propósito de "Glosas Críticas". pdf. "O objetivo do presente é fazer a apresentação de um texto muito pouco conhecido, de Marx, cujo conteúdo nos parece de enorme atualidade. Trata-se do artigo “Glosas críticas ao artigo O rei da Prússia e a reforma social. De um prussiano”, publicado nos dias 7 e 10 de agosto de 1844, no jornal alemão, de tendência democrática, Vorwaerts (Avante!)". Fonte: Ivo Tonet - Marxismo, Política, Educação e Emancipação Humana. Transcrição gentilmente autorizada pelo autor. Colaboração Fernando Araújo.
George Phillips: O Imperialismo Ianque e o Mundo Colonial. Publicado em Problemas Revista Mensal de Cultura Política nº 3. "A luta entre os movimentos coloniais de libertação e as potências imperialistas atingiu uma nova fase de desenvolvimento em todo o mundo colonial. A guerra realizou profundas modificações, tanto na força e nas posições relativas das potências imperialistas, como na correlação interna de forças nas colônias e dependências. Colaboração Fernando Araújo.
15/Mar Mário Alves: A Burguesia Nacional e a Crise Brasileira. "Contrariamente ao que supõem alguns analistas da situação, a crise institucional brasileira não é um fenômeno de superfície, mas uma enfermidade que tem causas profundas e reflete a necessidade de mudanças radicais na estrutura econômico-social do País.". Colaboração Alfredo dos Santos e Fernando Araújo.
14/Mar Marighella: Nossa Política. Editorial de Problemas Revista Mensal de Cultura Política nº 4. "Desde que a democracia vem avançando, temos verificado o aumento da agressividade do imperialismo norte americano, que foi o imperialismo a sair mais fortalecido da guerra. Vem, assim, aprofundando-se a divisão entre os dois campos, o antidemocrático e imperialista e o democrático e anti-imperialista...". Colaboração Fernando Araújo.
13/Mar Imprensa Proletária: Capital Comercial e Lucro Comercial, capítulo X do Manual de Economia Política do Instituto de Economia da Academia de Ciências da URSS. Colaboração Fernando Araújo.
Abriu o arquivo: Mário Alves, com o texto: Da Crise de Agosto à Frente de Libertação Nacional. "A crise política que abalou recentemente o Brasil foi um dos choques mais profundos entre os grupos comprometidos com o atraso e com a dependência do país e as forças que aspiram ao progresso e à libertação. Em alguns dias, o povo brasileiro viveu uma experiência equivalente a vários anos de luta. Desenhou-se com maior nitidez o quadro das contradições existentes na sociedade, revelou-se à fisionomia real de cada corrente política, configurou-se a disputa das forças que voltarão a enfrentar-se no futuro.". Colaboração Alfredo dos Santos, Alexandre Linares e Fernando Araújo.
12/Mar Trotsky: A Verdade por trás das "Confissões Voluntárias". "O novo julgamento, como fica claro desde o primeiro despacho, é novamente baseado nas confissões "voluntárias" dos acusados. Onde, em toda história mundial, é possível encontrar exemplos de terroristas, traidores e espiões que levaram adiante sua carreira criminosa ao longo dos anos para então, como que por uma mesma ordem, todos ao mesmo tempo se arrependerem de seus crimes?". Colaboração Joycemar Tejo e Fernando Araújo.
11/Mar Abriu o arquivo: Władysław Gomułka, com o texto: Karol Swierczewski, o Operário que Chegou a General. Colaboração Fernando Araújo.
10/Mar Karl Korsch: A Crise do Marxismo. "O marxismo como movimento e como teoria atravessa presentemente uma crise. Já não se trata de uma crise no interior do marxismo, mas de uma crise do próprio marxismo." Colaboração Fernando Araújo.
09/Mar Trotsky: texto1: Decreto do Conselho dos Comissários do Povo, sobre o Serviço Militar Obrigatório dos Homens que têm Servido como Suboficiais no Exército; texto 2: Ordem do Dia nº 21 do Comissariado do Povo para a Marinha de Guerra, no que diz respeito ao Exército Vermelho e a Frota Vermelha; texto 3: Ordem do Dia do Presidente do Soviet Militar Revolucionário da República. Colaboração João Paulo Pereira dos Santos Neto e Fernando Araújo.
Ho Chi Minh: A Revolução Chinesa e a Revolução Vietnamita. "O triunfo da Revolução de Outubro na Rússia abalou o mundo inteiro. O marxismo-leninismo começou a propagar-se na China, um dos maiores países do mundo, que os imperialistas qualificavam com desprezo de "leão adormecido"’." Colaboração Igor N. Dias e Fernando Araújo
08/Mar Konder: O Curriculum Mortis e a Reabilitação da Autocrítica. "O curriculum vitae é a ponta do iceberg: ele é o elemento mais ostensivo de uma ideologia que nos envolve e nos educa nos princípios do mercado capitalista; é a expressão de uma ideologia que inculca nas nossas cabeças aquela “mentalidade de cavalo de corrida” a que se refere a escritora Dóris Lessing. Não devemos confessar o elevado coeficiente de fracasso de nossas existências, porque devemos ser “competitivos”.". Colaboração Alexandre Linares e Fernando Araújo.
07/Mar Abriu o arquivo: Étienne Fajon, com o texto: A Constituição Iugoslava. Colaboração Fernando Araújo.
06/Mar Mao Tsetung: Rectifiquemos o Estilo de Trabalho no Partido. "Por que razão se necessita dum partido revolucionário? Porque no mundo há inimigos que oprimem o povo e este quer liquidar a opressão. Essa é a razão da necessidade dum partido revolucionário. Na era do capitalismo e do imperialismo, é dum partido revolucionário como o Partido Comunista que se necessita. Sem um partido revolucionário como o Partido Comunista é totalmente impossível ao povo libertar-se da opressão inimiga.". Colaboração Fernando Araújo.
05/Mar Abriu o arquivo: Dmitri Z. Manuilsky, com o texto: O Camarada Stálin, Grande Teórico do Comunismo. Colaboração Fernando Araújo.
Kant: Crítica da Razão Pura. "No tempo, pois, nenhum conhecimento precede a experiência, todos começam por ela. Mas se é verdade que os conhecimentos derivam da experiência, alguns há, no entanto, que não têm essa origem exclusiva, pois poderemos admitir que o nosso conhecimento empírico seja um composto daquilo que recebemos das impressões e daquilo que a nossa faculdade cognoscitiva lhe adiciona (estimulada somente pelas impressões dos sentidos); aditamento que propriamente não distinguimos senão mediante uma longa prática que nos habilite a separar esses dois elementos." Fonte: eBooksBrasil. Colaboração Fernando Araújo.
04/Mar Kalochin: O Desenvolvimento Como Luta Entre os Contrários. Capítulo 5º da obra: Materialismo Dialético editada pelo Instituto de Filosofia da Academia de Ciências da URSS. "A quarta característica do método dialético marxista, que nos obriga a considerar o desenvolvimento como processo contraditório, como luta entre os contrários, é o ponto central da concepção dialética e materialista da natureza, da sociedade e do pensamento.". Colaboração Fernando Araújo.
03/Mar Abriu o arquivo: André Marty, com o texto: Figuras do Movimento Operário: Alguns Aspectos da Atividade de Blanqui. Colaboração Fernando Araújo.
Imprensa Proletária: Lucro Médio e Preço de Produção, capítulo IX do Manual de Economia Política do Instituto de Economia da Academia de Ciências da URSS. Colaboração Fernando Araújo.
02/Mar Abriu o arquivo: Victor Leduc, com o texto: O Fascismo na Grécia. Colaboração Fernando Araújo.
01/Mar Manoel Lisboa: Último Artigo. "Os capitalistas usam os órgãos de propaganda (rádio, jornal, televisão) e empregam a educação (o ensino) para fazer o povo acreditar que o exército defende os interesses da nação e não dos capitalistas. Querem convencer o povo de que o exército é honesto e defensor da nação, e fazer todos respeitá-lo, senão quem iria morrer nas guerras pela burguesia? Por isto, desde criança aprendemos a respeitar o exército, a propriedade dos ricos, o presidente da República e demais autoridades burguesas.". Colaboração Centro de Documentação Maoista e Fernando Araújo.
28/Fev Abriu o arquivo: Leandro Konder, com o texto: Gramsci, o Dialético. "Mestre do pensamento dialético, Gramsci ensinou que, para que a nossa história seja efetivamente um processo de libertação, o ponto de vista mais avançado — aquele que desejamos alcançar — precisa ser também o mais abrangente.". Colaboração Alexandre Linares e Fernando Araújo.
27/Fev Trotsky: Como Ganhar a Juventude Socialista. "A juventude deve estudar a história para evitar antigos erros. Precisamos de maior firmeza ideológica, um pensamento revolucionário mais penetrante e claro não para isolar-nos sectariamente das organizações de massa existentes, mas para trabalhar com elas, sem perder a nossa perspectiva.". Colaboração João Paulo Pereira dos Santos Neto e Fernando Araújo.
26/Fev Abriu o arquivo: Edvard Kardelj, com o texto: O Desenvolvimento e as Perspectivas da Situação Internacional. Colaboração Fernando Araújo.
Gorender: O Socialismo Reviverá como Força de Massas Tanto no Leste como no Ocidente. "Aos 68 anos o baiano Jacob Gorender teve o "misterioso privilégio" de se encontrar em Moscou a 19 de Agosto de 1991, quando ocorreu a tentativa de golpe de Estado na URSS. Destacado historiador e militante revolucionário, dedicou a sua vida à causa do socialismo, tendo sido membro do Comitê Central do PCB e fundador do PCBR.". Fonte: Marxismo21. Colaboração Fernando Araújo
25/Fev Imprensa Proletária: O Ciclo e a Rotação do Capital, capítulo VIII do Manual de Economia Política do Instituto de Economia da Academia de Ciências da URSS. Colaboração Fernando Araújo.
24/Fev Abriu o arquivo: Chu En-Lai, com o texto: O Caminho da Consolidação e do Desenvolvimento das Vitórias do Povo Chinês. Colaboração Fernando Araújo.
K. V. Moroz: O Desenvolvimento Como Passagem das Mudanças Quantitativas às Transformações Radicais de Qualidade. "A concepção metafísica nos dá uma ideia deturpada e unilateral do desenvolvimento objetivo do mundo, segundo a qual tudo se reduz a simples aumento ou diminuição, a modificações puramente quantitativas.". Colaboração Fernando Araújo.
23/Fev Abriu o arquivo: Lu Ting-Yi, com o texto A Situação Internacional do Após-Guerra. "Estamos agora no novo ano de 1947. Desejamos fazer um levantamento de toda a situação internacional, sob todos os ângulos, a fim de desfazer certas noções falsas neste terreno.". Colaboração Fernando Araújo.
22/Fev Imprensa Proletária: A Acumulação do Capital e o Empobrecimento do Proletariado, capítulo VII do Manual de Economia Política do Instituto de Economia da Academia de Ciências da URSS. Colaboração Fernando Araújo.
21/Fev Gorender: Liberalismo e Escravidão. "Em tese, o liberalismo europeu defendeu o trabalho livre, o mercado de trabalho de assalariados juridicamente livres. Defendeu a eliminação das injunções feudais, do pagamento da corvéia; enfim, de todos os tributos característicos do sistema feudal. Mas é preciso lembrar que o próprio Adam Smith não era contra a escravidão nas colônias. Ou seja, o próprio liberalismo europeu já nasceu sob esta contradição.". Fonte: Marxismo21. Colaboração Fernando Araújo.
20/Fev D. M. Trochin: O Movimento e o Desenvolvimento da Natureza e da Sociedade. "A concepção dialética de que o mundo exterior está em constante movimento e desenvolvimento parte do fato de que, no mundo material, tudo se encontra em ligação e interdependência.". Colaboração Fernando Araújo.
19/Fev Imprensa Proletária: O Salário, capítulo VI do Manual de Economia Política do Instituto de Economia da Academia de Ciências da URSS. Colaboração Fernando Araújo.
18/Fev Gorender: O Que Está Vivo e o Que Está Morto no Manifesto Comunista? A prova da história. "Enquanto perdurar, o capitalismo suscitará tendências anticapitalistas. O escrito de dois jovens intelectuais alemães, publicado em fevereiro de 1848, em nome de uma obscura Liga dos Comunistas, deu a partida precisamente à trajetória secular de uma destas tendências.". Fonte: Estudos Avançados. Instituto de Estudos Avançados da Universidade de São Paulo. Colaboração Fernando Araújo.
17/Fev Imprensa Proletária: Os Três Estádios do Desenvolvimento do Capitalismo na Indústria, capítulo V do Manual de Economia Política do Instituto de Economia da Academia de Ciências da URSS. Colaboração Fernando Araújo.
16/Fev Abriu o arquivo: Alexandre Babo, com o texto: República Democrática Alemã - Sociedade Socialista Avançada. "Não quero terminar com adjectivos. O que procurei relatar vale mais que qualquer adjectivação. Neste ano de 1975, julgo ser justo fechar este livro sobre a República Democrática Alemã com a consigna internacional que pode ser o seu símbolo Igualdade, desenvolvimento e paz.". Colaboração: João Filipe Freitas e Fernando Araújo.
15/Fev Imprensa Proletária: O Capital e a Mais-valia. A Lei Econômica Fundamental do Capitalismo, capítulo IV do Manual de Economia Política do Instituto de Economia da Academia de Ciências da URSS. Colaboração Fernando Araújo.
14/Fev Molodtsov: A Dialética Marxista e a Conexão Mútua e a Interdependência dos Fenômenos da Natureza e da Sociedade. Capítulo 2º da obra: Materialismo Dialético editada pelo Instituto de Filosofia da Academia de Ciências da URSS. "No trabalho Sobre o Materialismo Dialético e o Materialismo Histórico, o camarada Stálin nos dá uma formulação, insperada quanto à sua precisão e profundeza, das quatro características básicas do método dialético marxista.". Colaboração Fernando Araújo.
13/Fev Imprensa Proletária: Modos de Produção Pré-Capitalistas e A Produção Mercantil. O Aparecimento do Modo de Produção Capitalista, capítulos II e III do Manual de Economia Política do Instituto de Economia da Academia de Ciências da URSS. Colaboração Fernando Araújo.
12/Fev Imprensa Proletária: Estatutos do Partido Comunista Brasileiro (Aprovados no VI Congresso do PCB), 1967. Colaboração Fernando Araújo.
10/Fev Imprensa Proletária: Prefácio e Objeto da Economia Política, capítulo I do Manual de Economia Política do Instituto de Economia da Academia de Ciências da URSS. Colaboração Fernando Araújo.
09/Fev Tchertkov: O Materialismo Dialético, Concepção do Mundo do Partido Marxista Leninista. Capítulo 1º da obra: Materialismo Dialético editada pelo Instituto de Filosofia da Academia de Ciências da URSS. "A essência da reviravolta revolucionária realizada na filosofia pelos fundadores do marxismo reside em que a filosofia se tornou, pela primeira vez na história da humanidade, uma ciência que arma os homens com o conhecimento das leis do desenvolvimento da natureza e da sociedade e que serve de instrumento de luta pela vitória do comunismo.". Colaboração Fernando Araújo.
08/Fev Lênin: Das Resoluções da VI Conferência de Toda a Rússia do POSDR (Conferência de Praga). "é necessária a participação mais ativa das organizações ilegais do Partido na direção da luta econômica (greves, comitês de greve etc) e a colaboração, nessa esfera, das células clandestinas do Partido com os sindicatos, em particular com as células social-democratas dentro dos sindicatos, como também com os diversos dirigentes do movimento sindical;". Colaboração Fernando Araújo.
07/Fev Marx: Diversas formas de existência da sobrepopulação relativa A lei geral da acumulação capitalista. Seção 4 do 23º capítulo de O Capital. "Quanto maior for a riqueza social, o capital em funcionamento, o volume e a energia do seu crescimento — e, portanto, também a magnitude absoluta do proletariado e a força produtiva do seu trabalho — tanto maior é o exército industrial de reserva. A força de trabalho disponível é desenvolvida pelas mesmas causas do que a força expansiva do capital. A magnitude proporcional do exército industrial de reserva cresce, portanto, com as potências da riqueza. Porém, quanto maior for este exército de reserva em relação ao exército operário activo, tanto mais maciça será a sobrepopulação consolidada, cuja miséria está na relação inversa dos seus tormentos de trabalho.". Colaboração de Edições Avante! e Fernando Araújo.
06/Fev Hegel: Linhas Fundamentais da Filosofia do Direito (Prefácio). Fonte: LusoSofia. Colaboração Fernando Araújo.
05/Fev Dimitrov: Alocução em nome do Conselho Internacional das Uniões Sindicais Vermelhas no Quarto Congresso dos Sindicatos de Toda a Rússia. Fonte: Dimitrov e a Luta Sindical. Colaboração: João Filipe Freitas e Fernando Araújo.
04/Fev Bakunin: A Imoralidade do Estado. "O Estado então é a mais escandalosa negativa, a mais cínica e completa negativa da humanidade. Ele estraçalha a solidariedade universal de todos os homens sobre a Terra, e une alguns deles somente para destruir, conquistar e escravizar todos os restantes.". Colaboração Fernando Araújo.
03/Fev Lênin: Ernst Haeckel e Ernst Mach e Suplemento ao § 1 do Capítulo IV, seção 39 cap. 6 e anexos do livro Materialismo e Empirocriticismo Notas e Críticas Sobre uma Filosofia Reacionária. Colaboração Fernando Araújo.
02/Fev Gorender: O Épico e o Trágico na História do Haiti. O autor apresenta uma resenha crítica do livro de C. L. R. James, editado, no Brasil, pela Boitempo, intitulado Os jacobinos negros. ToussaintL’Ouverture e a revolução de São Domingos. James narra e analisa a rebelião dos escravos da colônia francesa situada na ilha de São Domingos, no final do século XVIII, como conseqüência da ação da Convenção surgida da Revolução Francesa de 1789, a qual proclamou a emancipação dos escravos. Nessa rebelião, o autor destaca a ação do líder negro Toussaint L’Ouverture, que, após derrotar exércitos da França, Espanha e Inglaterra, ganhou o domínio da colônia francesa. Em seguida, a obra de James se detém na determinação de Bonaparte de restaurar a escravidão e o envio da força expedicionária francesa comandada por Leclerc. Toussaint L’Ouverture viria a ser derrotado e aprisionado. Seus companheiros, Dessalines e outros, os jacobinos negros, prosseguiram o combate e conquistaram, em 1804, a Independência definitiva, batizando o País com o nome nativo de Haiti. Da Independência decorreram problemas que se prolongam até os dias atuais. Colaboração Alexandre Linares e Fernando Araújo.
01/Fev Lênin: As "Bases da Filosofia Social de Suvorov e Partidos em filosofia e filósofos acéfalos, seção 37 e 38, cap. 6 do livro Materialismo e Empirocriticismo Notas e Críticas Sobre uma Filosofia Reacionária. Colaboração Fernando Araújo.
31/Jan Rosa Luxemburgo: A Proletária. "O partido dos deserdados coloca a sua coluna feminina no front ao partir para a dura luta pela jornada de oito horas, a fim de espalhar a semente do socialismo sobre novas terras. E a igualdade de direitos políticos das mulheres é o primeiro mote que ela levanta, ao se prestar a recrutar novas seguidoras em prol das reivindicações de toda a classe trabalhadora.". Colaboração Alexandre Linares e Fernando Araújo.
30/Jan Lênin: A Excursão dos Empiro-Criticistas Alemães no Domínio das Ciências Sociais e Como Bogdanov retifica e "desenvolve" Marx, seção 35 e 36, cap. 6 do livro Materialismo e Empirocriticismo Notas e Críticas Sobre uma Filosofia Reacionária. Colaboração Fernando Araújo.
29/Jan Dimitrov: O Movimento Sindical nos Balcãs. Fonte: Dimitrov e a Luta Sindical. Colaboração: João Filipe Freitas e Fernando Araújo.
28/Jan Lênin: Um "Físico Idealista" Russo e Essência e Valor do Idealismo "físico", seção 33 e 34, cap. 5 do livro Materialismo e Empirocriticismo Notas e Críticas Sobre uma Filosofia Reacionária. Colaboração Fernando Araújo.
27/Jan Victor Meyer: Cresce a resistência dos trabalhadores, o governo vacila. pdf Colaboração Centro de Estudos Victor Meyer, Pery Falcón e Fernando Araújo.
26/Jan Mao Tsetung: Édito do Governo da Região Fronteiriça Xensi-Cansu-Ninsia e da Administração da Retaguarda do VIII Exército. Redigido pelo camarada Mao Tsetung para combater as atividades de sapa empreendidas pela camarilha de Tchiang Kai-chek. Pouco depois do início da cooperação entre o Kuomintang e o Partido Comunista, essa camarilha passou a intrigas no intuito de sabotar as forças revolucionárias dirigidas pelo Partido Comunista. Colaboração Fernando Araújo.
25/Jan Lênin: As Tarefas da Juventude Revolucionária. "É verdade que do ponto de vista corrente do «revolucionarismo» vulgar a unidade ideológica dos estudantes não exige uma concepção do mundo integral, antes a exclui, a unidade ideológica significa uma atitude «tolerante» para com diferentes tipos de ideias revolucionárias, significa a renúncia a reconhecer decididamente um qualquer círculo determinado de ideias, numa palavra, unidade ideológica, do ponto de vista destes sábios da politiquice, pressupõe uma certa ausência de princípios ideológicos.". Colaboração Partido Comunista Português - Organização Regional de Lisboa, Manuel Gouveia e Fernando Araújo.
24/Jan Korsch: Marx e a Revolução Europeia de 1848. Colaboração Fernando Araújo.
23/Jan Kant: Que significa orientar-se no pensamento?. pdf "De facto, "a liberdade de pensamento, ao querer agir de modo absolutamente independente das leis da razão, acaba por se destruir a si mesma". Assim se compreende que, aos olhos de Kant, a fé racional, com a sua exigência intrínseca, esteja ao serviço da melhoria do mundo – o que leva a entrever de novo, aqui e noutros lugares, o laço profundo que ele estabelece entre política e moralidade.". Fonte: LusoSofia. Colaboração Fernando Araújo.
22/Jan Otávio Brandão: A Classe Operária. "A Classe Operária tinha um título que já era um programa teórico e de ação. Acentuava a idéia central de classe. Determinava de que classe se tratava. Levava um subtítulo que era, também, um programa: "Jornal de trabalhadores, feito por trabalhadores, para trabalhadores".". Fonte: Fundação Maurício Grabois. Colaboração Fernando Araújo.
21/Jan Lênin: As Duas Correntes da Física Contemporânea e o Idealismo Alemão e As Duas Correntes da Física Contemporânea e o Fideísmo Francês, seção 31 e 32, cap. 5 do livro Materialismo e Empirocriticismo Notas e Críticas Sobre uma Filosofia Reacionária. Colaboração Fernando Araújo.
20/Jan Abriu o arquivo: Mikhail Nikolayevich Pokrovsky com o texto: Causas Econômicas da Revolução Russa (também disponível em ebook. "Que necessidade temos de olhar para o passado? Por que nos ocuparmos do que aconteceu há dez, cem, mil, dez mil anos atrás? Não seria preferível procurarmos conhecer melhor o que acontece atualmente, o que sucede em derredor de nós e de que depende nossa vida? Estudamos o passado precisamente para compreender o presente. Colaboração Fernando Araújo.
19/Jan Trotsky: Necessitamos de uma Revista Marxista Combativa, Revolucionária e Crítica. "Nos Estados Unidos de América o processo social global impulsa às massas trabalhadoras até o caminho da luta. A ideologia tradicional do americanismo está caindo junto com todas as suas variantes e suas perspectivas de prosperidade capitalista eterna. Todas as classes socais sentem a necessidade de uma nova orientação. A intelectualidade é o laboratório da ideologia.". Colaboração João Paulo Pereira dos Santos Neto e Fernando Araújo.
18/Jan Amazonas: A Volta do Capitalismo na União Soviética. "Passaram-se três décadas e meia desde que o revisionismo contemporâneo chegou ao poder na União Soviética. Pouco se tem escrito sobre como essa tendência exótica conseguiu levar à prática seus propósitos anti-socialistas. Não foi sem contradições e vai-e-vens. Tampouco os desajustes terminaram. Continua a competição entre partidários do mesmo ideário oportunista.". Fonte: Fundação Maurício Grabois. Colaboração Diego Grossi e Fernando Araújo.
17/Jan Lênin: O Militarismo Militante e a Táctica Antimilitarista da Social-Democracia. "O militarismo contemporâneo é resultado do capitalismo. Em ambas as suas formas ele é uma «manifestação vital» do capitalismo: como força militar utilizada pelos Estados capitalistas nos seus conflitos externos («Militarismus nach aussen», como se exprimem os alemães) e como arma que nas mãos das classes dominantes serve para reprimir qualquer espécie de movimentos (económicos e políticos) do proletariado («Militarismus nach innen»).". Colaboração Partido Comunista Português - Organização Regional de Lisboa, Manuel Gouveia e Fernando Araújo.
12/Jan Marx: Progressiva produção de uma sobrepopulação relativa ou de um exército industrial de reserva. Seção 3 do 23º capítulo de O Capital. "O modo de produção especificamente capitalista, o desenvolvimento da força produtiva do trabalho que lhe corresponde, a variação na composição orgânica do capital por isso causada — não mantêm apenas o passo com o progresso da acumulação ou com o crescimento da riqueza social. Eles andam incomparavelmente mais depressa, porque a acumulação simples ou a extensão absoluta do capital total são acompanhadas pela centralização dos seus elementos individuais, e o revolucionamento técnico do capital suplementar é acompanhado pelo revolucionamento técnico do capital original.". Colaboração de Edições Avante! e Fernando Araújo.
11/Jan Cunhal: Discurso de Encerramentodo VII Congresso (Extraordinário). "Não somos partidários da teoria das minorias activas, não somos partidários da teoria dos heróis libertadores. A vanguarda revolucionária só pode cumprir as suas tarefas se tem consigo a classe operária e as massas populares e tem consciência de que é a classe operária e são as massas populares que fazem a historia." Fonte: Partido Comunista Português - Organização Regional de Lisboa. Colaboração: Coutinho Carlos e Fernando Araújo
10/Jan Thalheimer: Introdução ao Materialismo Dialético. Incluído uma nova tradução em substituição à anteriormente existente no sítio e que teve os direitos autorais questionados pelo tradutor. Colaboração Centro de Estudos Victor Meyer, Pery Falcón e Fernando Araújo.
Lênin: As Duas Correntes da Física Contemporânea e o Espiritualismo Inglês seção 30, cap. 5 do livro Materialismo e Empirocriticismo Notas e Críticas Sobre uma Filosofia Reacionária. Colaboração Fernando Araújo.
09/Jan Imprensa Proletária: História do Partido dos Trabalhadores do Vietname. "Com 4000 anos de história, o povo vietnamita tem belas tradições de luta encarniçada contra as classes dirigentes e de luta de libertação contra os agressores estrangeiros. No decorrer desta luta pela edificação e pela defesa do país, cedo adquiriu uma consciência nacional. ". Colaboração: João Filipe Freitas e Fernando Araújo.
08/Jan Lênin: É Concebível o Movimento Sem a Matéria? seção 29, cap. 5 do livro Materialismo e Empirocriticismo Notas e Críticas Sobre uma Filosofia Reacionária. Colaboração Fernando Araújo.
07/Jan Dimitrov: Na Véspera da Semana Internacional Sindical Vermelha. "Camaradas! Os sindicatos operários nos grandes Estados capitalistas, que tinham nascido e se tinham desenvolvido como organizações para a defesa dos interesses profissionais imediatos dos operários, foram transformados durante a guerra imperialista, pelos social-patriotas e pelos burocratas sindicais, em instrumentos para a continuação da guerra fratricida. A «paz civil» foi proclamada e quis-se fazer crer ao proletariado que a vitória da «sua pátria» lhe ofereceria também perspectivas de bem-estar". Fonte: Dimitrov e a Luta Sindical. Colaboração: João Filipe Freitas e Fernando Araújo.
06/Jan Mao Zedong: Ordem e Declaração Sobre o Incidente do Sul de Anghuei. Colaboração Fernando Araújo.
05/Jan Lênin: "A Matéria Desaparece" seção 28, cap. 5 do livro Materialismo e Empirocriticismo Notas e Críticas Sobre uma Filosofia Reacionária. Colaboração Fernando Araújo.
04/Jan Dimitrov: Moscovo ou Amesterdão. "A política dos sindicatos na maior parte dos países, tanto na Alemanha e na Áustria como na Inglaterra, Itália, França e América é um facto profundamente imbuído de egoísmo profissional e de social-chauvinismo, inteiramente submetido à política de conquista dos imperialistas desses países.". Fonte: Dimitrov e a Luta Sindical. Colaboração: João Filipe Freitas e Fernando Araújo.
03/Jan Lênin: A Crise da Física Contemporânea seção 27, cap. 5 do livro Materialismo e Empirocriticismo Notas e Críticas Sobre uma Filosofia Reacionária. Colaboração Fernando Araújo.
02/Jan Gorender: A Atualidade de O Capital. "Este artigo, derivado da conferência A atualidade de O Capital: uma abordagem pluridisciplinar, realizada na PUC-SP, promovida pelos Departamentos de Prática do Serviço Social e de Política, Programa de Estudos Pós- Graduados em Ciências Sociais e Grupo de Estudos de O Capital, todos desta universidade, visa demonstrar a existência de uma estreita relação entre as formulações teóricas contidas em O Capital, de Karl Marx, e as características centrais da fase atual do capitalismo.". Fonte: Marxismo21. Colaboração Fernando Araújo.
01/Jan Lênin: A Dupla Critica de Dühring seção 26, cap. 4 do livro Materialismo e Empirocriticismo Notas e Críticas Sobre uma Filosofia Reacionária. Colaboração Fernando Araújo.
Janeiro a Dezembro de 2014
Janeiro a Dezembro de 2013
Janeiro a Dezembro de 2012
Julho a Dezembro 2011 - (199 documentos)
Janeiro a Junho de 2011 - (230 documentos)
Janeiro a Dezembro de 2010 - (375 documentos)
Janeiro a Dezembro de 2009 - (862 documentos)
Janeiro a Dezembro de 2008 - (261 documentos)
Janeiro a Dezembro de 2007 - (190 documentos)
Janeiro a Dezembro de 2006 - (103 documentos)
Outubro de 1999 a Dezembro de 2005 - (137 documentos)
MIA Seção em Português