MIA - Secção em Português
Eduard Bernstein
foto
1850-1932

 

Escritor social-democrata alemão. Tornou-se amplamente conhecido quando, no fim do seculo passado, pretendeu uma revisão dos fundamentos do marxismo (daí o nome de revisionismo dado a essa tendencia): O seu revisionismo, que, do ponto de vista eclético e pequeno-burguês, atacava o caráter dialético das doutrinas de Marx, negava suas conclusões revolucionarias (teorias da miséria crescente e da derrocada final do regime, revolução violenta, concepção do Estado, etc.) e propunha-se a acrescentar à economia social da burguesia seus “complementos" e “correções", revelando, desde o inicio, os característicos da ideologia imperialista da aristocracia operaria.

Em seus livros, Bernstein submeteu a completa revisão as afirmações fundamentais do marxismo. Manifestou-se contra a teoria marxista, que demonstra a existência da luta de classes, combatendo a doutrina de Marx, que aponta como inevitável o crack do capitalismo, a revolução socialista e a ditadura do proletariado. Afastando-se da meta final do proletariado — que é o socialismo — Bernstein propôs uma formula oportunista: “O movimento é tudo; a meta final, nada". Foi um dos defensores da fusão do marxismo com o idealismo e o kantismo. Lénin, numa série de trabalhos (Marxismo e Revisionismo, Que fazer?, O Estado e a Revolução, etc.) fez uma critica demolidora das teorias revisionistas de Bernstein).

Para mais detalhes

Atualmente estão disponíveis em Português as seguintes obras:

1895 - mai O julgamento de uma relação sexual anormal
   
Seja um Voluntário! Se você deseja colaborar com a construção desta biblioteca, ou deseja iniciar uma nova biblioteca para um autor cujo trabalho contribui de alguma maneira para a compreensão do Marxismo, entre em contato conosco.

Abriu o arquivo: 23/08/2020