Carta a Engels
(em Brighton)

Karl Marx

5 Março 1877


Fonte: Materialismo e Empiro-Criticismo, Editorial Calvino Ltda., Rio, 1946, pág. 495-496. A presente edição foi traduzida do original russo "Materialismo Dialético", Moscou, edição da Academia de Ciências da URSS, 1954.
Tradução: Abguar Bastos
Transcrição e HTML: Fernando A. S. Araújo.
Direitos de Reprodução: Licença Creative Commons licenciado sob uma Licença Creative Commons.

Londres
Querido Fred

Anexo a dühringniana. Impossível para mim ler esse individuo sem lhe dar na cabeça minuciosamente uma vez por outra. Agora, que já fiz a sua leitura (e a parte de Ricardo em diante, que não li ainda, deve conter muitas pérolas) para o que é necessário paciência e não largar o chicote. Poderei, no futuro, desfrutá-lo calmamente. Quando alguém se habituou ao mocinho e lhe percebeu o método, observará que ele é, de certo modo, um escrevinhador bastante divertido. Durante esses dias, prestou-me grandes serviços, como “ocupação" acessória, com a minha desagradável gripe.

Teu — Moro.

Outras cartas sobre as origens do Anti-Dühring
Carta a Marx (em Londres) - 24 de Maio de 1876
Carta a Engels (em Ramsgate) - 25 Maio 1876
Carta a Marx (em Londres) - 28 Maio de 1876
Carta a Marx (em Londres) - 25 Julho 1876
Carta a Marx (em Karlsbad) - 25 Agosto 1876
6ª Carta a Engels (em Brighton) - 5 Março 1877
Carta a Engels (em Brighton) - 7 Março 1877

 

Compartilhe este texto:
Início da página
 
Visite o MIA no Facebook
 

Inclusão 24/03/2014