Zinóviev (Radomilski), Grigori Evséievíteh
foto


(1883-1936): Começou a militar no movimento social-democrata da Rússia a partir de 1901. Depois do II Congresso do POSDR aderiu aos bolcheviques. Pronunciou-se várias vezes contra Lénine e a política do partido; durante o período de reacção (1907-1910) adoptou uma posição conciliadora face aos liquidacionistas, otzovistas e trotskistas. Em Outubro de 1917, juntamente com Kaménev, divulgou a resolução do CC do partido sobre a insurreição armada. Em 1925 foi um dos organizadores da «nova oposição», e em 1926 um dos chefes do bloco antipartido Trótski-Zínóviev. Em 1927 é expulso do Partido e exilado. Reintegrado em 1928, volta a ser expulso em 1932, preso e condenado a quatro anos de exílio. Expressando o seu arrependimento regressa ao Partido no ano seguinte, mas em Dezembro de 1934 é novamente preso, julgado e condenado. Por fim, é sentenciado à morte em 1936, confessando-se culpado das actividades contra-revolucionárias de que foi acusado.

Leia as obras deste autor no MIA

Lenin - Obras Escolhidas em 3 Tomos e Martens - Um Outro Olhar Sobre Stáline

MIASecção em PortuguêsTemática